quinta-feira, 23 de agosto de 2018

Renovação, só com eles mesmos

Carlos Brickmann

O eleitor está saturado dos atuais políticos: isso se percebe numa conversa e se confirma nas pesquisas.

Mas a renovação no Congresso será baixíssima: a combinação de campanha curta e proibição de doações de empresas faz com que os nomes já conhecidos levem ampla vantagem.

O financiamento público de campanhas é entregue aos partidos, que escolhem quem irá recebê-lo.

Claro, os caciques de sempre. Por isso, ¾ dos congressistas vão tentar se reeleger.

E entre os que não tentam a reeleição há quem queira só mudar de cargo, disputando o Executivo.

No total, apenas 7% dos parlamentares estão dispostos a largar o osso. Poucos decidiram abandonar de vez a boa vida.

Acompanhe o Blog ApoDiário pelo Twitter clicando AQUI e no Instagram clicando AQUI.

Nenhum comentário: