segunda-feira, 17 de fevereiro de 2020

Por que os combustíveis no Brasil são tão caros?

Foto: Tony Winston/Agência Brasília
Do seu jeito, o presidente Jair Bolsonaro trouxe à baila um tema crucial para os brasileiros. O preço dos combustíveis precisa ser debatido com profundidade.

Afinal, quase todos os cidadãos se locomovem em veículos movidos com combustíveis derivados do petróleo. Sem gasolina e sem diesel o Brasil para, como tragicamente constatamos na greve dos caminhoneiros em 2018.

Ao provocar os governadores, propondo zerar os impostos sobre os combustíveis, o presidente da República acertou num dos pontos nevrálgicos da questão. São os impostos, sobretudo o ICMS, que fazem os combustíveis serem tão caros no Brasil.

De acordo com o Sindipeças, em 2018, a frota circulante no País era composta por cerca de 58 milhões de unidades. Destas, 42,7 milhões de automóveis, ônibus e comerciais leves, 13 milhões de motocicletas e 2 milhões de caminhões.

Todos os proprietários e condutores destes veículos sabem que a redução do preço nas refinarias não significa combustível mais barato nas bombas. Por que, então, o preço sobe mais rapidamente do que desce?

Clique AQUI e continue lendo.

Nenhum comentário: