quinta-feira, 16 de maio de 2019

Em Apodi, escolas da rede pública estadual, municipal e IFRN param para exigir respeito à educação


Durante o dia nacional de greve geral da educação O SINTRAPMA e o SINTE/RN iniciaram a programação logo às 8 horas com um debate no auditório do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais.


Na oportunidade representantes de entidades, movimentos estudantis e sindicatos fizeram falas alertando sobre os riscos das ações do governo Bolsonaro contra os mais pobres e a educação do país e conclamaram a todos e todas para a próxima mobilização nacional; a greve geral dos/as trabalhadores/as de 14 de junho.


À tarde, as entidades sindicais juntamente com os estudantes e professores do IFRN e escolas da rede estadual ocuparam as ruas em um importante ato público em defesa de educação pública e de qualidade.


Segundo o professor Ozamir Lima, “a reforma da Previdência e as propostas de desmontes dos direitos do trabalhador e precarização do ensino público preocupa o País. Os trabalhadores atingidos pela reforma previdenciária já sentem o quanto a medida prejudicará terrivelmente a população e a classe mais pobre, os trabalhadores rurais e os professores. Os cortes de verbas destinadas à educação básica e superior atingem principalmente os mais necessitados.”

O ato de ontem é uma preparação para a greve geral da classe trabalhadora no dia 14 de junho em todo o País.

Acompanhe o Blog ApoDiário pelo Twitter clicando AQUI e no Instagram clicando AQUI.

Nenhum comentário: